Lançada plataforma de cooperação para combater a COVID-19

O EIT Health, uma rede europeia de inovadores em cuidados de saúde, disponibilizou uma plataforma que permite aos profissionais do setor da saúde que estão ligados à investigação sobre o novo coronavírus publicarem uma ‘oferta’ ou um ‘pedido’ de colaboração. O EIT Health exerce um papel de mediador, ajudando a encontrar uma solução entre os cerca de 150 parceiros presentes na Europa.

A plataforma de colaboração destinada a cientistas, inovadores, profissionais de saúde e organizações pretende facilitar parcerias transregionais, de forma a encontrar soluções para o combate à pandemia.

“O objetivo da plataforma é descobrir diretamente com os especialistas quais são os recursos de que precisam neste momento e quais são os recursos que podem partilhar dentro da UE”, lê-se em comunicado.

Nos primeiros dias após o lançamento da plataforma foram apresentadas mais de 200 propostas, como um novo design de impressão 3D para máscaras de proteção, que reduz o tempo de impressão de duas horas para 30 minutos, ventiladores open-source, dispositivos de bio-descontaminação gratuitos para hospitais, modelos de inteligência artificial para diagnóstico por radiografia torácica, e ainda aplicações para monitorizar a disseminação do vírus.

Em Portugal, a start-up Mindflow criou videojogos educativos sobre o novo coronavírus, tendo como base apenas informações divulgadas e confirmadas pela Direção-Geral da Saúde e pela Organização Mundial de Saúde. Explicando o que é o COVID-19, como se proteger e como evitar a propagação, esta aplicação não pretende ser apenas educativa, mas também ajudar na redução de ataques de pânico e desmistificar notícias falsas.

“As inovações na área da saúde têm o potencial de contribuírem para superar os desafios que enfrentamos na atualidade. Na nossa comunidade existem vários produtos e serviços, como, por exemplo, no campo da telemedicina, que, se forem adotados em grande escala, podem aliviar a pressão a que os profissionais de saúde estão sujeitos”, afirmou a analista de projetos de inovação no EIT Health, Daniela Dias-Santos.

“Portugal tem excelentes profissionais altamente qualificados e start-ups entre as melhores do mundo, que podem desempenhar um papel importante neste sentido. O foco agora será desenvolver ferramentas necessárias para auxiliar o nosso sistema de saúde a superar a crise atual”, acrescentou Daniela Dias-Santos.

Newsletter Hotelaria & Saúde

Receba quinzenalmente, de forma gratuita, todas as novidades e eventos sobre gestão hoteleira em unidades de saúde e bem-estar.


Ao subscrever a newsletter noticiosa, está também a aceitar receber um máximo de 6 newsletters publicitárias por ano. Esta é a forma de financiarmos este serviço.