ULSLA abre unidade de hospitalização domiciliária

  • 04 dezembro 2020, sexta-feira
  • Gestão

A Unidade Local de Saúde do Litoral Alentejano (ULSLA) vai passar, a partir do dia 7 de dezembro, a ter mais uma valência: a Unidade de Hospitalização Domiciliária (UHD).

Numa primeira fase, a UHD irá abranger os concelhos de Santiago do Cacém e de Sines, num total de cerca de 44 mil habitantes.

A UHD, composta por uma equipa multidisciplinar com médicos, enfermeiros, assistente técnica e assistente social, é uma alternativa ao internamento hospitalar, que será substituído pelo internamento no domicílio do doente.

“Assim, o doente estará no conforto do seu lar e receberá a mesma qualidade dos cuidados que teria numa enfermaria do hospital”, lê-se em comunicado divulgado pela ULSLA.

Os destinatários da UHD serão os utentes dos concelhos de Santiago do Cacém e Sines, que devem ter critérios clínicos de internamento e condições sociais que permitam a sua hospitalização domiciliária.

O internamento em casa funciona 24 horas por dia, todos os dias do ano. Nas primeiras 24 horas após a admissão, o utente receberá a visita do médico e enfermeiro.

Com esta unidade pretende-se uma prestação de cuidados centrada no doente e cuidador, mantendo a sua igualdade de direitos e deveres.

Newsletter Hotelaria & Saúde

Receba quinzenalmente, de forma gratuita, todas as novidades e eventos sobre gestão hoteleira em unidades de saúde e bem-estar.


Ao subscrever a newsletter noticiosa, está também a aceitar receber um máximo de 6 newsletters publicitárias por ano. Esta é a forma de financiarmos este serviço.