Sacos Plásticos

Como tornar interessante um tema como a aquisição de sacos plásticos?

Um saco de plástico é um objeto utilizado para transportar pequenas quantidades ou pequenos objetos. O saco plástico pode ser feito de polietileno de baixa densidade, polietileno linear, polietileno de alta densidade, polipropileno ou polímeros de plástico não biodegradável.

Sendo um consumível que causa grandes prejuízos ao ambiente, o certo é que os sacos plásticos estão presentes na vida diária das unidades de saúde, tendo as mais diversas utilizações. Por exemplo, o despacho 242/96, não mencionando efetivamente a obrigatoriedade de o acondicionamento primário de resíduos ser em saco plástico, acabou na prática por levar à utilização de uma grande quantidade de sacos plásticos.

Os sacos plásticos são ainda utilizados para acondicionamento de papel, de roupa suja/limpa, entrega de medicamentos aos doentes e acondicionamento de sacos de soro, só para citar alguns exemplos de utilização em unidades de saúde.

Uma má escolha destes consumíveis tem como resultado um grande desperdício, com impacto ambiental, aumento significativo de custos, ineficácia na sua utilização e um grande número de reclamações por parte dos utilizadores.

O que propomos é apresentar uma metodologia para proceder à aquisição destes consumíveis.

Artigo publicado na edição nº13 da HS

José Carlos Santos

Membro do Conselho Editorial da hotelaria & saúde / Diretor do Serviço de Gestão Hoteleira do IPO Porto

Se quiser colocar alguma questão, envie-me um email para jose.santos@ipoporto.min-saude.pt

Newsletter Hotelaria & Saúde

Receba quinzenalmente, de forma gratuita, todas as novidades e eventos sobre gestão hoteleira em unidades de saúde e bem-estar.


Ao subscrever a newsletter noticiosa, está também a aceitar receber um máximo de 6 newsletters publicitárias por ano. Esta é a forma de financiarmos este serviço.