Projeto de telemonitorização com menção honrosa nos prémios Healthcare Excellence

  • 31 outubro 2018, quarta-feira
  • Gestão

O projeto «Telemonitorização de doentes com insuficiência cardíaca crónica (ICC)» do Centro Hospitalar Universitário Cova da Beira (CHUCB) recebeu uma menção honrosa, no âmbito de uma candidatura apresentada ao Prémio «Healthcare Excellence», promovido pela Associação Portuguesa de Administradores Hospitalares.

O vencedor da quinta edição destes Prémios foi o projeto “Via Verde Reanimação”, do INEM, uma iniciativa que começou como projeto-piloto no Centro Hospitalar de São João, em 2016, e que tem como objetivo dar uma resposta de melhor qualidade a situações de paragem respiratória. Se não for possível reverter a situação, o objetivo é preservar os órgãos, no sentido de aumentar o número de transplantações.

Foi também atribuída uma menção honrosa projeto "Utilizadores frequentes do Serviço de Urgência Geral", do Hospital Garcia de Orta e do Agrupamento de Centros de Saúde (ACeS) Almada Seixal.

No caso da Cova da Beira, o projeto distinguido faz parte de um sistema integrado de acompanhamento de doentes referenciados com ICC, e que, além da já referida telemonitorização, inclui tratamentos de reabilitação cardíaca e medição dos resultados em saúde. Tem como principais objetivos a deteção precoce de complicações ou episódios de descompensação e a melhoria da evolução da doença, monitorizando a adesão ao tratamento e seus efeitos, prevenindo hospitalizações e reduzindo custos em saúde.

Atualmente, existem 31 doentes telemonitorizados e que são acompanhados continuamente nos seus domicílios, onde realizam diariamente medições de diversos parâmetros, o que permite detetar precocemente alterações na sua condição de saúde e atuar atempadamente.

A cada utente é entregue um kit de monitorização, um tablet e um conjunto de equipamentos de medição (oxímetro, termómetro, esfigmomanómetro, balança e pedómetro/monitor de atividade física). São garantidos acompanhamento inicial e formação no uso e colocação dos referidos dispositivos médicos.

A monitorização das medições efetuadas pelos doentes é supervisionada diariamente por um Centro de Triagem e Monitorização que, além da verificação dos dados, tem implementado um protocolo personalizado, criado pelos médicos do CHUCB, para fazer a despistagem de sintomas de alerta para a evolução do estado da ICC.

Newsletter Hotelaria & Saúde

Receba gratuitamente no seu email todas as novidades e eventos sobre gestão hoteleira em unidades de saúde e bem-estar.