Gouveia reativa serviço de recolha porta-a-porta de lixo contaminado

O município de Gouveia e a Associação de Municípios da Região do Planalto Beirão (AMRPB) reativaram o serviço de recolha porta-a-porta para lixo contaminado por doentes ou suspeitos de infeção por Covid-19.

“Face à evolução da situação epidemiológica do coronavírus (Covid-19) no concelho de Gouveia, associada às preocupações de saúde pública que a situação exige, o município de Gouveia e a Associação de Municípios da Região do Planalto Beirão (AMRPB) decidiram reativar o serviço de recolha porta-a-porta de resíduos produzidos por doentes em período de tratamento ou suspeitos de infeção por Covid-19 em quarentena”, referiu a autarquia em comunicado.

Segundo a nota, “à semelhança do que foi feito em abril de 2020, aquando da implementação deste serviço de proximidade, as pessoas que se encontrem nesta situação poderão solicitar este serviço contactando a Linha de Recolha Porta-a-Porta Para Lixo Contaminado do Município de Gouveia, através do telefone 238 490 210, facultando o seu contacto telefónico e a morada”.

Para que a entrega e recolha dos resíduos sólidos urbanos contaminados seja feita da forma correta, os munícipes devem, ainda, seguir outras instruções, como colocar os resíduos em saco de resíduos resistente e descartável, com enchimento até dois terços da sua capacidade e colocar os sacos no interior de um segundo saco de cor branca, fornecido pela AMRPB, e fechá-lo.

Os resíduos serão encaminhados sem qualquer tipo de separação, “uma vez que não existe, neste tipo de casos, lugar à reciclagem”, lê-se na nota.

De acordo com a informação municipal, os sacos, devidamente fechados, devem aguardar a recolha no exterior do domicílio.

A recolha porta-a-porta será efetuada três vezes por semana (segunda-feira, quarta-feira e sexta-feira), sempre no período da manhã, e o serviço irá comunicar previamente a hora de recolha, via telefone.

Newsletter Hotelaria & Saúde

Receba quinzenalmente, de forma gratuita, todas as novidades e eventos sobre gestão hoteleira em unidades de saúde e bem-estar.


Ao subscrever a newsletter noticiosa, está também a aceitar receber um máximo de 6 newsletters publicitárias por ano. Esta é a forma de financiarmos este serviço.