Evacuação em hospitais - Parte 1

O presente artigo visa chamar a atenção para algumas questões que devem ser tidas em conta no planeamento e na desocupação de uma unidade hospitalar em caso de emergência.

Estas orientações podem ser assimiladas no Plano de Evacuação que integra o Plano de Emergência, não substituindo nem duplicando a Estrutura de Segurança, mas complementando as ações, missões e responsabilidades nele contidos.

Os princípios e os procedimentos aqui referidos destinam-se essencialmente a unidades que prestam cuidados de saúde em regime de internamento, podendo não ser adequados às características de todos os hospitais, que devem incorporar os que consideram úteis e adequados aos desafios colocados em termos de evacuação.

José Aidos Rocha

Membro do Conselho Editorial da hotelaria & saúde / Engenheiro Civil

Se quiser colocar alguma questão, envie-me um email para j.aidos.rocha@mail.telepac.pt

Newsletter Hotelaria & Saúde

Receba quinzenalmente, de forma gratuita, todas as novidades e eventos sobre gestão hoteleira em unidades de saúde e bem-estar.


Ao subscrever a newsletter noticiosa, está também a aceitar receber um máximo de 6 newsletters publicitárias por ano. Esta é a forma de financiarmos este serviço.