Riba de Ave vai ter Centro de Apoio de Demências

Foi lançada, a 20 de maio, a primeira pedra do Centro de Investigação, Diagnóstico, Formação e Apoio das Demências (CIDIFAD), em Riba de Ave, um projeto multidisciplinar promovido pela Santa Casa da Misericórdia daquela região. O objetivo é fomentar a qualidade da investigação científica, aumentar o número e a qualidade dos estudos epidemiológicos em Portugal e na Europa, assumir um papel ativo na melhoria da coordenação e cooperação científica em Portugal e incentivar a partilha de informações ao nível das causas, da prevenção e do tratamento das demências. Para isso, a Santa Casa da Misericórdia de Riba de Ave assinou um protocolo com o Instituto de Ciências Biomédicas Abel Salazar, da Universidade do Porto.

De acordo com os promotores do projeto, o CIDIFAD vai permitir aumentar significativamente a capacidade institucional no norte do país. Pretende-se garantir que as pessoas com demência possam beneficiar de um acolhimento, acompanhamento, assistência médica e cuidados especializados à sua fase demencial, possibilitando a sua manutenção no domicílio ou o recurso a inovadoras e qualificadas estruturas de alojamento. Também está prevista uma atenção especial junto dos prestadores de cuidados, no sentido de garantir que usufruem de um tempo de descanso adaptado às suas necessidades.

Valências

Administração e Apoio: Administração do complexo e apoio jurídico e psicossocial às pessoas com demência e respetivas famílias.

Investigação: Em articulação com o Instituto de Ciências Biomédicas Abel Salazar, proporcionar investigação, planos de formação e cursos de pós-graduação no domínio das demências, aos alunos da escola médica.

Formação e Diagnóstico: Garantir formação aos profissionais de saúde e cuidadores informais, bem como a realização de diagnósticos efetuados por equipas multidisciplinares focadas na definição conjunta do plano de cuidados e na abordagem a assuntos de cariz social, financeiro e legal. Se efetuados de forma precoce, serão complementados de um apoio especial no sentido de visar a adaptação da pessoa à doença.

Unidade de Dia | Apoio Domiciliário: Em articulação com as disponibilidades dos cuidadores informais e dos familiares, possibilitar que, nas instalações do CIDIFAD ou no próprio domicílio, a pessoa com demência receba todo o tratamento especializado ao nível da alimentação, higiene pessoal, atividade diária e cuidados clínicos.

Internamento (Estádios 1, 2, 3 e Paliativos): Através da constituição de equipas profissionais e multidisciplinares, realizar um acompanhamento e supervisão ajustados à autonomia das pessoas com demência em unidades de internamento com 80 quartos individuais, estando 20 aposentos preparados para receção a pessoas em estado paliativo.

Unidade de Alojamento Temporário: Unidade de 12 quartos individuais direcionada para estadias de curta duração a pessoas com demência, permitindo o descanso dos cuidadores e dos familiares. Possui ainda uma ala com 8 quartos destinada a familiares de pessoas com demência em situação de internamento que, por um período de curta duração, com eles pretendam coabitar.

Newsletter Hotelaria & Saúde

Receba quinzenalmente, de forma gratuita, todas as novidades e eventos sobre gestão hoteleira em unidades de saúde e bem-estar.


Ao subscrever a newsletter noticiosa, está também a aceitar receber um máximo de 6 newsletters publicitárias por ano. Esta é a forma de financiarmos este serviço.