CH Médio Tejo receberá 6,5 milhões de euros para requalificação

  • 30 novembro 2017, quinta-feira
  • Gestão

O Centro Hospitalar do Médio Tejo receberá um investimento de 6,5 milhões de euros nos próximos dois anos, a aplicar nas unidades hospitalares de Abrantes, Tomar e Torres Novas.

O investimento servirá a requalificação e à expansão da urgência médico-cirúrgica no hospital de Abrantes (1,5 milhões de euros) e intervenções nas três unidades hospitalares, de Abrantes, Tomar e Torres Novas, para sustentabilidade e eficiência energética, no âmbito de uma candidatura conjunta apresentada pelo CHMT e pelo Serviço de Utilização Comum dos Hospitais (SUCH) ao programa operacional POSEUR, num projeto de cinco milhões de euros, que vai contar com um apoio comunitário de 85 por cento.

Financiamento Comunitário Aprovado

Unidade Hospitalar de Abrantes:1.080.850,94 euros

Unidade Hospitalar de Tomar: 1.634.646,37 euros

Unidade Hospitalar de Torres Novas: 1.353.184,80 euros

Até 2019, está prevista a substituição de cadeiras, dos refrigeradores (chillers) e da iluminação artificial, a instalação de painéis solares, térmicos e fotovoltaicos, e intervenção ao nível das fachadas e das coberturas, incluindo a pintura exterior das unidades hospitalares de Tomar e Torres Novas.

Mais informação em https://www.sns.gov.pt/noticias/2017/11/29/chmt-investimento-de-65-me/

Newsletter Hotelaria & Saúde

Receba quinzenalmente, de forma gratuita, todas as novidades e eventos sobre gestão hoteleira em unidades de saúde e bem-estar.


Ao subscrever a newsletter noticiosa, está também a aceitar receber um máximo de 6 newsletters publicitárias por ano. Esta é a forma de financiarmos este serviço.